MMA solicita autorização para concurso

São 192 vagas, sendo 29 de Analistas Ambientais e 111 de Agentes Administrativos no MMA e 52 para o Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

O ministro José Sarney Filho encaminhou ao Ministério do Planejamento, nesta terça-feira (31/05), ofício solicitando autorização para realização de concurso público para 192 vagas no Ministério do Meio Ambiente e no Jardim Botânico do Rio de Janeiro.  Caso sejam incluídas na Lei Orçamentária de 2017, o concurso poderá sair ainda neste ano, mas as nomeações somente começariam a partir do ano que vem.

A medida não cria novas vagas na estrutura no MMA. É apenas para repor o quadro de servidores, desfalcado com pedidos de exoneração e aposentadorias.  A maior parte das vagas é de servidores de nível médio do quadro administrativo.  O único concurso para a categoria foi realizado em 2009 e a nomeação dos 248 foi efetivada nos anos seguintes. Desses, 82 solicitaram exoneração do cargo e 29 estão com lotação no órgão.

Já no cargo de Analista Ambiental, atividade fim do Ministério, serão oferecidas 29 vagas, todas por vacância de servidores que solicitaram exoneração. O JBRJ, que é vinculado ao MMA, mas tem seu quadro de servidores da carreira do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, abrirá concurso para 52 vagas, além de 36 vagas de servidores temporários.

CONCURSO NOVO

Outro pedido, novamente reforçado, é para a realização de concurso para 500 analistas ambientais e 180 analistas administrativos no Ibama, em parte para repor as 600 vagas abertas, principalmente em função de aposentadorias exonerações a pedido. Para reduzir a carência de servidores, o órgão solicitou, ainda, a convocação de 30 analistas aprovados no último concurso em vigor. Alei permite a nomeação, em caso de necessidade, de até 50% além do total de vagas oferecidas em um concurso.


Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA): (61) 2028-1221

Fonte: Envolverde


MBE-COPPE/UFRJ formando especialistas ambientais desde 1998 - mbcursos.coppe.ufrj.br

Comentários